Arquivo da tag: previsão do tempo

Num tiquinho de mundo curiando o tempo

mapserv

O tempo hoje pelas bandas de minha Enxu mais bela, amanheceu nublado e com uma chuvinha preguiçosa pingando aqui, ali, acolá, mas ameaçando vir a baixo a qualquer momento, pois é assim que diz a leitura das nuvens nas barras do nascente. Durante a madrugada, o ronco surdo das trovoadas ecoavam distante já anunciando as boas novas para uma terra que começava a sofrer com o avanço de uma tal seca verde. Dizem que pelo sertão potiguar o chão está bem chovido e que os barreiros e açudes estão animados, mas nessa beira de mar, o calor, até a noite de ontem, estava de cozinhar os miolos de caboco brabo. Hoje, diante do chuvisco que cai sobre o telhado, fui assuntar nos sites que tratam das coisas do tempo e curiar as imagens retratadas pelos satélites  que brecham os segredos da natureza e gostei do que soube e do que vi, porque a previsão é de chuva forte, mas como previsão é bicho amuado, arisco e não promete nada a ninguém, nem jura, vamos ver no que vai dar. Por enquanto as plantinhas do terreiro estão sorrindo de alegria. – E o mar? – O mar está uma maravilha e convidativo para um gostoso mergulho! Mas peraí e não se avexe, porque tudo que falei aí em cima é sobre o que observo diante da varanda da minha cabaninha de praia, em Enxu Queimado/RN,  no resto do Brasil, como gosta de falar a moça platinada, os satélites mostram chuvas no litoral do Nordeste, entre Maceió e Rio Grande do Norte, e uma nesga ameaçadora entrando barra adentro pelo Sudeste. – E o Carnaval? – Vem aí, mas sei lá, está tudo tão enuviado do outro lado do mundo. Só tomara que o bumbo não bata fofo! 

De olho nos ventos de setembro

20190925_142322

E os ventos continuam soprando forte e correndo soltos pelo litoral do Rio Grande do Norte e Ceará, e a Marinha do Brasil tem renovado sistematicamente os avisos aos navegantes, com pedidos de atenção redobrada aqueles que desejam se aventurar mar adentro. Segundo as previsões, os ventos de até 60km/h devem prevalecer até o final desta semana. Porém, o que me chamou atenção, no gráfico de animação do site Windguru, é o filhote de “cruviana” que está se formando no meio do Oceano Atlântico e de nariz empinado para as ilhas caribenhas. No miolinho da “cria da deusa”, as lapadas do açoite estão batendo a mais de 120 km/h.   

Quem avisa, amigo é!

anima_altura Quem está se aventurando ou pretende se aventurar pelos mares do Brasil durante está semana, é bom botar as barbas de molho e prestar bem atenção nos alertas da Marinha do Brasil, porque o bicho vai pegar e vai pegar bonito a partir de amanhã, 17/07, até o dia 21, domingo, com ondas que devem ultrapassar a altura de 3 metro, principalmente no litoral entre o Espírito Santo e o Rio Grande do Norte. O reboliço é causado por uma frente fria que vem das bandas do Sul, porém, já se afasta para os cafundós do Atlântico. O aviso está dado e a animação do CPTEC/INPE dá uma demonstração do tamanho da bagunça.  

São Pedro, meu amigo, largue esse celular

IMG-20190613-WA0045Essa charge bem humorada, que circula nas redes sociais, demonstra o quadro chuvoso que estão enfrentando, há mais de vinte e quatro horas, as cidades litorâneas entre Pernambuco e o Rio Grande do Norte. Avisos emitidos pelos institutos meteorológicos alertam que fortes chuvas devem castigar a região até a tarde desta sexta-feira, 14/06, que é quando deve acabar a bateria do celular de São Pedro. Durante o restinho da noite desta quinta-feira e madrugada da sexta, só nos resta aproveitar a chuva que cai lá fora para dormir o sono dos justos. Dormir com chuva é bom demais!

Espiando o tempo e o mar

br1A semana que começou chuvosa nos aceiros do Norte e Nordeste continuará molhada, inclusive nos pampas da região Sul. Por minha Enxu Queimado/RN, praia linda que me dá acolhida, os barreiros estão bem empoçados e a lavoura vai de vento em popa, com muito milho e feijão para aninar os festejos e esquentar as fogueiras de João e Pedro. Amanhã, 12 de junho, dia do casamenteiro Santo Antônio, a chuvarada promete não arredar o pé, mas o Sol deve aparecer hora sim, hora não, prumode não esfriar tanto, pois já tem gente por essas bandas mais agasalhado do que boneco de neve. Pelo miolo do país do compadre Bolsonaro, o tempo será de sol, secura e poucas nuvens.  – E o Mar? – O mar da Bahia até a esquina do Rio Grande do Norte será de reboliço com ondas que devem alcançar os 2,3 metros de altura. Não deve ser um mar de gente grande, mas quem vai a ele é bom colocar as barbas de molho e dar uma espiada mais apurada no barco e nos equipamentos. Fonte: CPTEC/INPE 

E por falar em previsões…

mapservOs dias estão tão sombrios pelas redações dos jornais que até as previsões meteorológicas, coisa fácil de acompanhar nesses tempos modernosos, patinam em meio ao vácuo da tal onda “fake” que assola e consome as entranhas das “terras de pindorama”, transformando tudo e todos em palco e personagens de um imenso drama pastelão. Na semana passada o litoral sudeste, entre Rio de Janeiro e São Paulo, foi sacudido por uma violenta depressão e quando a poeira baixou, as manchetes se avexaram em estampar que o “bicho” que havia castigado cariocas e paulistas era um furacão. Ora pois! Ontem, 07/05, fortes chuvas caíram sobre a capital potiguar causando os mesmos e infindáveis transtornos de todas as chuvas que caem Brasil afora, transtornos esses causados muito mais pela ação desordenada e irresponsável do ser humano do que pela força suprema da natureza. Na manhã desta quarta-feira, 08, as redes sociais replicaram notícia ameaçadoras, vindas não sei de onde diacho, que grandes temporais ameaçam o bom decorrer da semana pelas terras do Rio Grande do Norte e os anunciadores do caos alertam e aconselham que o povo se prepare para a passagem da besta fera. Ora, Ora! Mais do que depressa, me arvorei a abrir os sites meteorológicos em busca das notícias ameaçadores e para ver se os satélites já haviam tirando um retrato da cara feia do bicho, mas o que encontrei foi o velho e bom balde de água fria e a certeza do samba do crioulo doido em que se meteu a informação jornalística. Os meninos do CPTEC/INPE dizem que vai chover e, em algumas regiões do mapa brasileiro, com forte intensidade e tomara que São Pedro seja generoso com as regiões do meu Rio Grande do Norte que concentram grandes reservatórios, pois, apesar das últimas chuvas, ainda estão necessitados.

Pancadas de chuva localmente forte em parte do Brasil

Nesta quarta-feira (08/05), haverá condição para pancadas de chuva em boa parte do país. A chuva mais forte ocorrerá na faixa norte do país, entre o norte do AM e norte e leste do Nordeste. No Sul do Brasil o tempo voltará a instabilizar, com condição para temporais localizados a partir da tarde.

De olho na previsão do tempo

br1A Semana Santa foi de chuvas intensas em boa parte do Rio Grande do Norte, com açudes estourados, estradas transformadas em rios e um município isolado por causa de uma ponte destruída pelas águas. –É chuva, seu menino, é chuva! A semana que se inicia tem promessa de mais chuvas pelo Brasil e os técnicos do CPTEC/INPE dizem assim:

Nesta segunda-feira (22/04), áreas de instabilidade atuarão principalmente sobre grande parte da Região Sul, onde a previsão é de muitas nuvens e pancadas de chuva localmente forte. Na Região Norte, no MT e no norte do Nordeste persiste a condição para pancadas de chuva que localmente poderão ser intensas.