Arquivo da categoria: assuntos e assuntos

Previsão do tempo na terra brasilis

br1 (1)A semana que começou em Lua crescente, também foi de chuva em boa parte do Brasil e pelos dados dos “meninos” do CPTEC/INPE, São Pedro manterá as torneiras abertas, aqui, ali, acolá, até o dia 15. Da minha varandinha de praia, numa Enxu mais bela, mantenho um olho no nascente e outro no poente na esperança de decifrar os sinais emitido pela natureza e me alegro com o que vejo e até o pé de banana leite, que andava meio sei lá, fez brotar o primeiro mangará 20181210_160938 e daqui uns dias teremos fartura. O Nordeste com chuva é bom demais!

Anúncios

De olho nas nuvens e nas ondas

br1Esta terça-feira, 27/11, promete ser de chuva em boa parte do território brasileiro e a tendência é que São Pedro mantenha as torneiras abertas pelo resto da semana. O povo do sertão nordestino anda com as butucas de olho bem abertas em direção ao poente na esperança de que as notícias de aguaceiros que chegam das bandas do Piauí e Norte do Ceará, prevaleçam e aliviem o chão das agruras da seca que insiste em ficar pé. No finalzinho da segunda-feira, 26/11, observei que as nuvens estão passando carregadas sobre Enxu Queimado/RN e durante a noite tem aparecido algumas formigas de asa, anunciadoras de tempos invernosos. O mar pelo litoral do Nordeste, que na semana passada andou amuado, deu um alívio, mas os gráficos do CPTEC/INPE indicam que a partir da quarta-feira, 28, vem mais balanço, se bem que com menos agito. Veremos!  

Uma nova estrela brilha lá no alto

2017-06-24-Saugerties-NY-8_thumb

Hoje, 23 de novembro de 2018, perdemos um grande amigo e o mundo náutico perdeu uma referência. No dia 4 de setembro de 2018, dediquei a ele, que travava luta desigual com uma doença cruel e desumana, a Cartas de Enxu 31. Nesta noite de Lua cheia, estou diante deste computador e por mais que tente, as palavras não se conectam e os dedos insistem em não teclar. Deu um branco! Talvez porque ainda não caiu a ficha, talvez porque a emoção se instalou em meu peito e sinto o coração pulsar sem eco e sem sentido ou talvez porque não é preciso dizer nada. É isso, meu amigo, não é preciso dizer nada, porque o silêncio fala por si. Siga em paz querido e bom amigo, Daniel Cheloni. 

 

Elementos em fúria e velhas recordações

imageA força das ondas nas Ilhas Canárias, arquipélago que é uma das joias do turismo espanhol, foi de fazer tremer o coração daqueles que moram em residências ou edifícios praticamente debruçados sobre o mar. Com o mar não se brinca, assim diz o ditado, e o que aconteceu na costa de Tacoronte, em Tenerife, dia 18/11, foi mais um exemplo que felizmente trouxe apenas danos materiais e desassossego. Ao assistir o vídeo da fúria dos elementos, lembrei de um caso acontecido na Praia do Marco, litoral do Rio Grande do Norte, nos idos anos 90. Naquele tempo eu era um dos poucos veranistas da praia e da varanda fiquei observando um dos vizinhos, durante todo o dia, construir uma barricada com sacos de areia diante de sua casa. Para mim, pitaqueiro dos bons, aquele serviço era em vão e no finalzinho da tarde levei uma latinha de cerveja gelada para ele, que aceitou de pronto, e ao sentar sobre a areia falei: Rapaz, acho que esse serviço não terá sucesso, pois você deveria estirar essa barricada um pouco mais para os lados, senão, o mar entrará por lá e vai acabar destruindo a casa. Ele deu um gole na cerveja, olhou para mim e antes de levantar para ir embora, disparou: – Amigo, obrigado pela cerveja, mas você não entende de nada. Passar bem! Fiquei ali na areia mais um pouco, apreciando o pôr do sol, e voltei para casa. Pela manhã o trabalho do vizinho recomeçou e nem prestei mais atenção. Logo após o almoço, armei a rede na varanda e fiquei escutando o mar de ressaca roncar lá fora. Em dado momento um barulho surdo irrompeu o mundo e ao levantar a vista, notei que a varanda do vizinho não estava mais lá e o vi sobre a areia com os olhos arregalados. Fui até ele para prestar solidariedade e ele perguntou: – Como você sabia? Respondi: – Como assim se eu não sei de nada? Nunca mais ele falou comigo.    

De olho no mar

anima_alturaA semana começa com Netuno metendo brasa no fogareiro e produzindo borbulhas no mar do litoral brasileiro. Segundo a animação do CPTEC/INPE, as ondas em alto mar, principalmente no mar do Norte e Nordeste, devem alcançar os três metros de altura. Quem está adorando é a rapaziada do surf e já tem gente com a prancha aproada nas grandes ondas das urcas do litoral norte do Rio Grande do Norte e nas encantadoras ondas do arquipélago de Fernando de Noronha. A Marinha do Brasil emitiu aviso alertando aos navegantes para o salseiro e orienta que os comandantes botem as barbas de molho.

Enxu Queimado festeja sua padroeira

IMG-20181109-WA0033A comunidade da praia de Enxu Queimado, litoral norte do Rio Grande do Norte, realiza neste sábado, 10/11, o encerramento da festa de Nossa Senhora dos Navegantes, padroeira da bela praia paraíso. As comemorações sagradas tem início às 4 horas da manhã com caminhada de orações e cânticos, ao meio dia, procissão marítima e no finalzinho da tarde, procissão e missa de encerramento na Capela. A festa profana, com várias bandas, está marcada para às 22 horas, na quadra de esportes. Taí um programa legal para quem está a procura de um final de semana diferente!  

De olho no tempo e no mar

br1Tem chovido bem em boa parte do Brasil nos últimos dias e isso traz alento e esperança ao povo do sertão nordestino, porque as notícias que chegam das terras do Norte, dão conta de aguaceiros, relâmpagos e trovoadas sobre a floresta amazônica, Maranhão, Piauí, cariri cearense e desembocando nas terras apimentadas do sertão baiano. Da varandinha de minha cabaninha de praia observo os torreões de nuvens se formando pras bandas do oeste e aqui, acolá vejo o clarão de um corisco marcar o céu. O sertanejo é povo conhecedor e já tem gente se animando em fazer pajelanças e apostando as fichas da fé de que o inverno vem, sim senhor. A madrugada de hoje, 07/11,  em Enxu Queimado, uma pancada de chuva fez levantar o cheiro da terra, mas se foi no mesmo vendaval que veio. A manhã surgiu bonita com nuvens escuras pelos aceiros, porém, passaram ao largo, mas deixou viva a esperança. Para amanhã, 08/11, dia de São Deodato, a rapaziada do CPTEC/INPE diz assim: Nesta quinta-feira (08/11), ocorrerão pancadas de chuva localmente forte com raios e rajadas de ventos isolados em áreas do oeste de MG, em GO, no DF, em MT, no norte e centro do AM, sul, leste e centro do PA, TO, MA e parte do PI. Entre o Vale do Paraíba, RJ e ES, além do litoral da BA será de condição de chuva. Nas outras áreas do Sudeste e litoral da BA ainda haverá nebulosidade baixa e chuva fraca e isolada.

anima_alturaAgora para quem vai ao mar e pretende ficar alguns dias traçando rumo pelas águas  do Nordeste e Norte, acima do Cabo do Calcanhar, Touros/RN, é bom se alertar, porque a previsão é de mar de baque virado a partir de amanhã até a terça-feira, 13/11, com ondas que podem chegar aos 3 metros de altura, como mostra a animação.