Arquivo da tag: poesia

A poesia é livre

Screenshot_2018-11-09-18-08-37 (2)

Sinceramente não sei quem foi o feliz autor dessa imagem, mas faz um punhado de dias que ela habita meus arquivos e cada vez que a vejo, mais fico enfeitiçado pela magia e o carinho no olhar da bela senhora, porém, o que me deixa perdido em pensamentos é o dedinho entre os lábios.

Anúncios

Poetas do mundo

A canoa de Francisco Diniz

Navegar é Preciso

Navegadores antigos tinham uma frase gloriosa:

“Navegar é preciso; viver não é preciso”.

Quero para mim o espírito [d]esta frase,

transformada a forma para a casar como eu sou:

Viver não é necessário; o que é necessário é criar.

Não conto gozar a minha vida; nem em gozá-la penso.

Só quero torná-la grande,

ainda que para isso tenha de ser o meu corpo e a (minha alma) a lenha desse fogo.

Só quero torná-la de toda a humanidade;

ainda que para isso tenha de a perder como minha.

Cada vez mais assim penso.

Cada vez mais ponho da essência anímica do meu sangue

o propósito impessoal de engrandecer a pátria e contribuir

para a evolução da humanidade.

É a forma que em mim tomou o misticismo da nossa Raça.

Fernando Pessoa

Jangada

3 Março (63)

“…Quer sossegada na praia,
Quer nos abismos do mar,
Tu és, ó minha jangada,
A virgem do meu sonhar:
Minha jangada de vela,
Que vento queres levar?…”

Juvenal Galeno

O retrato, o poema e a poesia

2 Fevereiro (32)

“Perder um poema pode ser doloroso, angustiante, mas perder a poesia seria muito pior” Lívio Oliveira, escritor, no texto O poema perdido, publicado no jornal Tribuna do Norte

Sol de todo dia

IMG_0247

…Fim da tarde a terra cora/E a gente chora/Porque finda a tarde…” Canto do povo de um lugar, Caetano Veloso

Dona dos meus olhos é você…

IMG_0225

E Nando Reis canta assim: “…Pois meus olhos vidram ao te ver/São dois fãs, um par/Pus nos olhos vidros para poder/Melhor te enxergar/Luz dos olhos para anoitecer/É só você se afastar/Pinta os lábios para escrever/A sua boca em minha…”

O retrato

IMG_0008

A poesia é livre…