Arquivo da tag: regata recife fernando de noronha

Refeno 2017

refeno2O Cabanga Iate Clube de Pernambuco lançou o primeiro aviso para a 29ª Refeno, Regata Recife/Fernando de Noronha, que tem largada marcada para dia 30 de setembro de 2017. As inscrições começam dia 15 de abril ao preço inicial de R$ 650,00 por tripulante. A Refeno é uma das mais famosas regatas do Brasil e tem números que demonstram o seu sucesso: 28 edições; 1785 embarcações (média de 64 embarcações por edição); 10.385 tripulantes (média de seis por embarcações); Média de 370 tripulantes por edição; Participantes de 16 estados brasileiros e 22 países; Em 2004, a Refeno bateu recorde de participantes: foram 146 barcos inscritos na regata. E o grande vencedor foi o Ave Rara, um trimarã de Pernambuco, embarcação espartana e muito veloz, comandada por Vicente Gallo; O atual recorde é do veleiro Adrenalina Pura, da Bahia, que tem como comandante Georg Ehrensperger. Ele conquistou a marca de 14h34min54 em 2007; O recorde dos monocascos é do veleiro gaúcho Camiranga, comandado por Samuel Albrecht, que em 2016 fez a travessia em 19h56min40

Anúncios

O recorde da Refeno

O programa Bahia Náutica, exibido por uma emissora de televisão da Bahia e apresentado pelo jornalista e velejador Denis Peres, foi durante muitos anos uma referência para a náutica baiana, mas estendia seus tentáculos pelo mares do Brasil, até sair do ar por volta de 2009. Boas entrevistas e uma excelente e diversificada pauta de assuntos ligados ao mar, davam uma excelente audiência ao programa. Digo isso porque certa vez fomos entrevistados e não era raro sermos reconhecidos nas ruas de Salvador como o casal da entrevista. A edição da Refeno de 2007, Regata Recife/Fernando de Noronha, teve seu recorde cravado pelo catamarã baiano Adrenalina Pura, com 14h 34 min 54s, e média de velocidade, 20,4 nós, que perdura até hoje, 09/09/2016, e o programa Bahia Náutica registrou tudo. A próxima edição da Refeno larga dia 24 de setembro do Marco Zero, no Porto do Recife, e quem sabe não surja daí um novo recordista. Fonte do vídeo: Youtube

Quer ir a Refeno? Então se adiante!

 

IMG_0237MARCA NORONHA 2015É sempre assim, vai se aproximando a data da RefenoRegata Recife/Fernando de Noronha – e o coração de quem ama a vela de oceano começa a bater mais forte com a velha dúvida: E ai? Vou ou não vou? É difícil tomar essa decisão, principalmente para quem já participou um tantão de vezes dessa que é uma das mais gostosas e fascinantes provas do iatismo brasileiro e digo mais: O velejador que abre a boca para dizer que nunca sentiu vontade e nem tem interesse em participar de uma Refeno, no mínimo ele está tentando se enganar. A Refeno é sim o sonho de todo amante da vela e navegar as 300 milhas náuticas que separam a capital do frevo da ilha maravilha é simplesmente fantástico. Eu que já fui inúmeras de vezes e esse ano, até agora, parece que não vou, sei da magia que representa aquele pedacinho de mar e da incrível paisagem que a natureza nos presenteia. Ancorar o veleiro em Noronha e pela manhã, ao abrir os olhos, se deparar com aquele cenário apaixonante, não tem preço. Para quem pretende participar da XXVII Refeno, que larga dia 26 de Setembro de 2015 do marco Zero, no Porto do Recife, é bom se adiantar. As inscrições até o dia 31 de agosto custa R$ 750,00 por pessoa e está incluído: • Franquia de ancoragem de até 30 dias, no Cabanga Iate Clube, a partir da chegada do barco, mantendo-a até o dia 30/10/2015. • Identificação para livre acesso ao clube e suas dependências. • Almoço de abertura da semana REFENO, incluindo bebidas. • Jantar de confraternização, incluindo bebidas. • Taxa de preservação ambiental em Fernando de Noronha, para o período de 26/09/2015 até 01/10/2015. • Taxa de ancoragem em Fernando de Noronha de 26/09/2015 até 01/10/2015. • Kit do evento. • Coquetel de entrega dos prêmios em Fernando de Noronha. É caro? – É nada! É mais barato do que pagar o preço do arrependimento e do sonho desfeito. Os interessados em participar como tripulante em alguma embarcação, deverão se inscrever na Bolsa de Tripulantes, que está disponível no site www.refeno.com.br.

E a programação? Veja ai no quadro abaixo:

image

E o percurso?

Depois da largada no Marco Zero, no Porto do Recife, os veleiros devem seguir até a boia norte – boia encarnada localizada fora da boca da barra e que está muito bem indicada na Carta Náutica do Porto. Após deixar a boia norte por bombordo o percurso é livre até a linha de chegada em frente ao Mirante do Boldró, em Fernando de Noronha. Eita viajandão arretado!

E tem exigências?

epirb

Tem sim senhor, mas nada que um zeloso comandante não deixe de observar, até porque, quase sempre embarcamos como tripulantes: familiares, amigos, companheiros e convidados. Pessoas que temos o maior carinho e de maneira alguma queremos colocá-los em risco. Nessa edição da Refeno a Marinha do Brasil praticamente só permitirá a navegação de barcos armados para navegação oceânica. A flexibilização das edições passadas entraram definitivamente para a história da prova. O Epirb – esse aparelhinho amarelo que aparece na imagem – é exigido sim, mas o SPOT, será apenas para os comandantes que quiserem que suas embarcações sejam rastreadas virtualmente, para que seus familiares possam acompanhá-los pelo site da Refeno.

E o que mais diz a Marinha?

Por se tratar de uma regata oceânica, todos os barcos devem estar de acordo com as exigências da Marinha do Brasil. Só serão aceitas embarcações classificadas como Mar Aberto. Solicitamos aos comandantes participantes observarem com a máxima atenção as exigências da NORMAM 03. (www.dpc.mar.mil.br ou http://www.mar.mil.br). 11.2. Estarão disponíveis em breve, no link Quadro de Avisos » Exigências, no site http://www.refeno.com.br, a lista de equipamentos e medicamentos exigidos pela Marinha do Brasil, bem como as flexibilizações e as exigências adotadas pela Capitania dos Portos de Pernambuco. 11.3. O nome da embarcação deverá estar pintado nas boias, coletes, pirotécnicos, botes e extintores. 11.4. Será exigida de todos os participantes a Licença de Estação Navio emitida pela ANATEL. 11.5. O seguinte tópico referente ao previsto no item 0437 da NORMAM 03/DPC está pendente de flexibilização pela Marinha do Brasil para as embarcações participantes da REFENO, classificadas para navegação Mar aberto, exclusivamente quando navegando acompanhadas por navio da Marinha do Brasil (MB), inclusive no regresso de Fernando de Noronha para o continente: 11.5.1. Rádio SSB desde que possua dois rádios VHF. 11.6. Apesar da flexibilização acima, os itens a seguir serão exigidos para todos os barcos participantes: 11.6.1. Obrigatoriamente, cada embarcação deverá portar 02 aparelhos GPS, em condições de funcionamento. 11.6.2. Além do rádio VHF fixo será exigido a cada embarcação portar 01 VHF portátil, a prova d´água ou portar um case impermeável e em perfeitas condições de funcionamento. 11.6.3. Todas as embarcações deverão portar as seguintes cartas náuticas: 22000 (Atol das Rocas e Arquipélago Fernando de Noronha), 22100 (Do Cabo Calcanhar a Cabedelo), 22200 (De Cabedelo a Maceió), 21030 (De Fortaleza a Natal) e 52 (proximidades arquipélago Fernando de Noronha). 11.6.4. Será obrigatório a utilização dos coletes Classe I de acordo com a Normam 3/DPC. 11.6.5. Todas as embarcações deverão portar um equipamento EPIRB com seu certificado a bordo, devidamente registrado pela ANATEL.

E as exigências ambientais?

O ICMbio, órgão ambiental responsável pela Ilha, diz assim:  Os comandantes também deverão assinar um Termo de Compromisso (arquivo no quadro de avisos) junto ao ICMBio, onde declaram suas concordâncias sobre as normas ambientais do Arquipélago de Fernando de Noronha, seguidas abaixo: • Nenhuma embarcação (veleiros e barcos de apoio) não cadastrada no ICMBio para este fim poderá entrar no Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha; • Não será permitida atividades de pesca, nos limites da APA de Fernando de Noronha, por nenhuma das embarcações envolvidas na regata, sejam elas participantes ou barcos de apoio; • Em nenhuma hipótese é permitido realizar caça submarina ou portar equipamentos para esta atividade em Fernando de Noronha; • Nenhuma embarcação poderá navegar em velocidade superior a 5 nós em profundidades inferiores a 15 metros ou na presença de cetáceos; • No máximo três embarcações de qualquer tipo podem permanecer a distância menor de 100 metros de cetáceos; • O motor de qualquer tipo de embarcação deve estar em marcha neutra ao aproximar-se a menos de 100 metros de baleia. • Uma vez em Fernando de Noronha os veleiros deverão permanecer apoitados no “polígono de ancoragem” até saída rumo ao continente.” 13.2. Tais Normas e Regulamentos deverão ser consultados na ‘Apostila de Normas Ambientais para a REFENO’ constante no material que será entregue pelos organizadores da REFENO 2015, na reunião de comandantes no dia 25/09/2015.

Quer saber mais?

IMG_0037

Navegue no site da Refeno e desfaça todas a suas dúvidas, mas só vou dizer mais uma coisa: Se tiver com vontade vá, senão, vai passar um ano amargando o sabor do arrependimento.

XXVI Refeno larga nesse Sábado

IMG_0201

A Refeno, regata Recife/Fernando de Noronha, que comemora a sua XXVI edição, larga amanhã, 27/09, do Marco Zero na cidade do Recife, com previsão meteorológica, segundo o Cptec/Inpe, de mar em agitação moderada e ventos na casa de 14 nós na direção ESE. Se confirmada a previsão, não é uma condição das mais confortáveis para se chegar ao paraíso de Fernando de Noronha, mas também não deve trazer grandes preocupações para os comandantes e seus tripulantes, porém, vai exigir um pouco mais de atenção, segurança e planejamento nas ações a bordo. Como em anos anteriores, a Marinha do Brasil estará presente acompanhando a flotilha com dois navios patrulha e seus oficiais em alerta máximo para o auxílio imediato aos participantes da prova. A Refeno é uma das mais importantes competições do iatismo brasileiro e reúne anualmente uma média de 80 embarcações. A prova oceânica é uma realização do Cabanga Iate Clube. O Avoante já marcou presença em várias edições, mas esse ano ficaremos apenas na torcida e atentos em tudo o que acontece através do site Refeno.com.br, que trará notícias em tempo real, como também o deslocamento de cada veleiro durante a travessia. Veja abaixo o quadro de ondas e ventos previstos, copiado do cptec/inpe:         

image

Fernando de Noronha

image

Atiçando o sonho alheio

foto 2foto 3

A ilha de Fernando de Noronha/PE é mesmo uma pintura da natureza. Águas cristalina de um azul fora do comum; Geografia de origem vulcânica coberto por uma vegetação que lembra as agruras do sertão nordestino e tudo temperado por um Sol equatoriano de rachar a moleira dos desavisados. E é para lá que há 25 anos velejadores de todo o Brasil apontam a proa dos seus veleiros como participantes da Refeno – Regata Recife/Fernando de Noronha. A ilha maravilha está sempre pronta para uma pose a mais diante das lentes de fotógrafos ávidos por um detalhezinho esquecido na foto anterior e foi dai que me chegou essas imagens belíssimas, enviadas pelo amigo/velejador/aviador e violonista de mão cheia Tiago Menezes, comandante em chefe do veleiro baiano de nome instigante, Nimbus. Elas foram captadas lá das alturas de um ângulo incomum, como bem disse o Tiago, mais precisamente da cabine de comando de um moderníssimo e possante Boeing.

Retomando o rumo

noronha (54)

Depois de um longo e delicioso descanso “forçado” em Fernando de Noronha, participando de mais uma Refeno, vamos tentar manter o blog no rumo. Na verdade, o espaço de mais de uma semana sem nem ao menos dar uma espiadinha para ver como estavam as coisas e atualizar os comentários, foi devido a incrível “atenção” dispensada por nossas felizes empresas de comunicações a nós usuários. É uma festa! Mas, vamos jogar esse assunto ao vento para não termos indigestão. Também, para que danado o cara vai até a ilha de Fernando de Noronha, um dos mais belos paraísos naturais do mundo, para querer usar internet? Bem feito! Desde já agradeço a todos aqueles que comentaram e vibraram com o lançamento do livro Diário do Avoante, que aconteceu no Cabanga Iate Clube, dentro da programação da Refeno, e dizer que dia 19 de Novembro será o lançamento em Natal/RN. Por enquanto estamos com o Carcará I ancorado em frente ao Iate Clube do Natal, onde chegamos participando da Regata Fernando de Noronha/Natal – Fenat, e espero que vocês não se avexem, pois tenho muita coisa para contar de tudo que vi na Refeno e na ilha maravilha.

Relembrando a Refeno 2006

Nesses tempos que antecedem mais uma Refeno, em que os corações começam a bater mais forte e a emoção a tomar conta dos tripulantes, nada com ver algumas imagens que marcaram a história dessa regata tão cheia de charme. As fotos foram tiradas do cockpit do Avoante pelo amigo Airton Galvão.