Arquivo da tag: refeno 2010

Uma longa regata

Imagens 356O Sábado amanheceu com o tempo ameaçando a qualquer hora dar uma virada de humor. Não que o dia tivesse acordado bem humorado, mas sua parcialidade estava na cara. Nuvens escuras no horizonte e o ventilador soprando numa velocidade bem acima do desejável. Assim estavam as condições do tempo para o dia da largada da regata Recife/Fernando de Noronha 2010. O mar também não deixou por menos, pois há muitos dias apresentava ondas de mais de 2,5 metros de altitude e já dava mostras que iria subir ainda mais.

Uma chuva aqui, outra acolá e assim foi passando as horas daquele Sábado, 25 de setembro. O tiro de largada estava marcado para as 15 horas, no Marco Zero do Porto do Recife que já estava todo enfeitado para receber o público que assistiria o desfile dos veleiros participantes. Seriam 104 barcos de várias partes do Brasil e do mundo.

Acordamos cedo e aprontamos os últimos detalhes de bordo no Toa Toa e ficamos naquela ansiedade natural que antecede as regatas e as longas travessias. Trezentas milhas náuticas de mar nos aguardavam.

Lucia, como sempre, preparou a comida que consumiríamos no primeiro trecho da navegada e ainda nos presenteou com uma deliciosa massa regada com o mais delicioso molho de tomate, que devoramos ancorado em frente ao Pernambuco Iate Clube. Ainda vou descobrir porque velejador adora tanto uma massa.

O cardápio das primeiras milhas da velejada estava dos deuses: Empadão de bacalhau e carne moída com arroz. Para variar, e por garantia, embarcamos alguns sanduiches naturais de vários sabores. No mar tudo pode acontecer e um sanduiche sempre é bem vindo.

O sinal anunciando nossa hora de largada soou forte em meio a ancoragem. Levantamos a âncora e fomos fazer nossa apresentação ao público presente e também a comissão de regata. Casa cheia e muita animação saudavam nossa passagem. Como é bom sentir a vibração das pessoas que soltam vivas e saudações de boa velejada. Esse é o ponto alto da REFENO que este ano completou 22 anos de vida.

Bandeira vermelha hasteada e a largada autorizada. Logo vimos que toda nossa euforia de regata dava lugar a nossa realidade de barco de cruzeiro. Fomos sendo ultrapassados pelos concorrentes, mas mesmo assim ainda não éramos os últimos, havia outros mais lentos, mas não menos felizes por fazer parte daquela festa e poder realizar o sonho de navegar até a Ilha de Fernando de Noronha.

Sonhos e mais sonhos, isso é o que faz o homem sair de seu lugar comum e buscar novas fronteiras. O mar não tem fronteiras e um veleiro liga os continentes. Trezentas milhas precisavam ser navegadas para que felizes velejadores realizassem um simples sonho. Sair do continente e chegar a uma ilha no meio do oceano. A regata era apenas um pretexto e assim estava acontecendo.

O encontro com o mar aberto foi à confirmação que não teríamos a boa vida que todos sonham a bordo. O mar estava realmente com um humor bastante alterado e largando impropérios para todos os lados. Ondas estouravam no costado e lavavam boa parte de nossas esperanças de que em alguma hora tudo aquilo viria a melhorar. As coisas se acomodavam a bordo na base do vai ou racha. Mas, a esperança é a última que morre, e assim fomos navegando subindo e descendo aquelas paredes de ondas que se formavam a nossa frente.

Ainda bem que o vento resolveu refrescar um pouco sua força e se manteve na média dos 12 nós de velocidade, mas sempre que Éolo cochilava um pouco, seus assessores botavam pilha nova no ventilador e o bicho pegava na casa dos 20 a 22 nós. Assim fomos avançando e sempre de olho no vento e no mar.

Muitos barcos tiveram dificuldades e desistiram da regata e alguns tripulantes, de outros barcos, tiveram sérios problemas de saúde. Em um caso mais sério um tripulante teve que ser transferido para o Rebocador de Alto Mar Triunfo da Marinha do Brasil, que dava apoio a flotilha, e encaminhado para Natal. Como sempre, a Marinha do Brasil e seus bravos homens prontos a salvar uma vida no mar.

O mar não estava para peixe e muito menos para barco, quanto mais para o delicioso cardápio preparado por Lucia, tão cheio de quitutes gostosos, mas que não despertava em ninguém a vontade de comer. Ainda bem que alguém lembrou de embarcar uns sanduiches.

Nelson Mattos Filho

Velejador

Anúncios

REFENO 2010- esclarecimentos

A comissão organizadora da REFENO 2010, emitiu nota esclarecendo alguns pontos importantes sobre a regata:

Caro velejador participante da XXII REGATA RECIFE-FERNANDO de NORONHA
Publicada em 23/07/2010
Fonte: Comissão de Regata

Faltando pouco mais de dois meses para a partida da XXII REFENO, gostaríamos de lembrar alguns pontos de importância fundamental para todos que estarão no evento. São eles:

1. Apesar de contar com 172 barcos pré-inscritos, apenas 138 efetuaram pagamento da inscrição até o dia 20 de Julho.

2. Algumas pessoas que estão participando pela primeira vez, têm perguntado se o pagamento da inscrição é para o barco ou é de cada tripulante.

Esclarecemos que a inscrição é INDIVIDUAL e que a lista dos comandantes e tripulantes inscritos é o documento oficial que é passado para Marinha e para a Administração da Ilha para pagamento das taxas de preservação ambiental.

3. Alguns também perguntam sobre o que acontece se existir um tripulante sem inscrição em um barco. Esta é uma situação que tem duas graves consequências.

A primeira põe em risco a segurança de todos que estão a bordo, já que em caso de uma emergência o número de tripulantes estará diferente da listagem da Marinha.

A segunda põe em risco a credibilidade da organização perante a administração da ilha de Fernando de Noronha, pois a mesma não receberá o pagamento das taxas de preservação que é realizada pela organização.

Uma ocorrência deste tipo tem como consequência a desclassificação sumária do barco com todos os tripulantes, independente das penalidades da legislação quanto a clandestinidade em Noronha.

Nos últimos dois anos tivemos ocorrências deste tipo inclusive com o lacre de uma embarcação efetuado pela Marinha.

4. Lembramos a todos que no próximo dia 28 de julho, o valor da inscrição aumentará para R$ 650,00 e depois do dia 1 de setembro passará a ser de R$ 800,00. As inscrições encerrarão no dia 12 de setembro de 2010.

Quaisquer esclarecimentos adicionais, entrar em contato com a secretaria da REFENO, pelo e-mail: secretaria@refeno.com.br ou pelo fone: 81 3428-4277

Bons ventos,

A Comissão de Regata.

REFENO – 100 BARCOS CONFIRMADOS

Aviso aos mais descansados: A REFENO completou hoje o total de 100 barcos confirmados e 60 pré-inscritos. O prazo para confirmar a inscrição ao preço de R$ 450,00 termina amanhã, 16/06. A comissão de regata definiu as regras para atender os últimos inscritos:

  • Por 30 dias a partir do dia em que a lista atingiu os 150 inscritos e pré-inscritos, terão preferência a confirmar a inscrição através do pagamento da mesma os barcos pré-inscritos.
  • A partir do trigésimo primeiro dia, terá preferência o barco que confirmar inscrição através do pagamento, mesmo tendo formalizado a pré-inscrição após o limite de 150 barcos, sendo excluído o pré-inscrito que tiver feito a pré-inscrição mais cedo. Este procedimento será usado até que seja atingido o limite de 150 barcos pagos.
  • A partir do momento em que 150 barcos tenham pago a inscrição, só entrará um novo barco após a desistência formal de um dos inscritos.
  •  

    REFENO 2010 E O COSTA LESTE

    Com apenas 21 vagas para fechar as 150 inscrições a XXII REFENO já pode ser considerada o maior evento náutico da América do Sul. Esta semana foi fechado os entendimentos entre o Cabanga Iate Clube, promotor da regata, e a ABVC, promotor do Cruzeiro Costa Leste, para recepção dos veleiros que fazem parte do Costa Leste e que devem chegar ao Recife dia 18 de Setembro, abrindo a semana pré-regata. Quem ainda pretende participar da XXII REFENO deve se apressar e aproveitar o valor do segundo lote de inscrição que vai até dia 16 de Junho.  

    XXII REFENO

    As inscrições para a REFENO 2010 estão de vento em popa, a pouco mais de cinco meses para a largada 122 veleiros já estão inscritos para fazer parte da regata que é a mais charmosa e alegre do Brasil. O primeiro lote de inscrições já foram encerradas e agora quem quiser aproveitar o segundo lote, ao preço de R$ 450,00 por tripulante, deve se apressar porque as vagas estão quase se esgotando, faltam apenas 28 barcos para o total de 150 disponíveis. As inscrições podem ser feitas no site da  REFENO http://www.refeno.com.br/refeno/index.php

     

    REFENO 2010

    A organização da REFENO anunciou hoje um aumento no numero de vagas para a regata deste ano. Inicialmente limitado em 100 barcos inscritos, que em menos de 1 mês foram esgotadas, a organização da prova se sentiu obrigada a aumentar para 150 barcos. Segundo Marcos Soares um dos organizadores da prova, o que houve este ano foi um grata surpresa, já que até a edição passada 60 por cento das inscrições ocorriam após o mês de Junho. Do jeito que vai, a REFENO 2010 tem tudo para ser uma das melhores. 

    REFENO 2010

    Já são 16 barcos inscritos e 71 pré-inscritos para a XXII Regata Internacional Recife-Fernando de Noronha. Esse ano deve haver um número recorde de inscritos, mas apenas os 100 primeiros poderão participar. O Cabanga Iate Clube já esta se renovando para receber os velejadores.