Arquivo da tag: Pirangi

PARRACHOS DE PIRANGÍ – A POLÊMICA

O IBAMA baixou portaria proibindo toda e qualquer embarcação ancorar nos Parrachos de Pirangí. Tudo começou com o evento Carnaparracho, que estava sendo organizado por um DJ de Natal e que criou muita discussão durante uma semana. O evento não aconteceu, mas a briga continuou. Como o local é o mais disputado do litoral potiguar no verão e point de 9 entre 10 lanchas que circulam nos mares da capital papa jerimum, a coisa pegou fogo. Até a empresa Marina Badauê, que atua a mais de 20 anos no local levando turistas e nativos num passeio sem igual, fica proibida de operar na área. Isso porque as autoridades somente agora descobriram que a empresa não tem licença para utilizar o Parracho. Será? Sou completamente a favor das regras e Leis que preservem o meio ambiente. Acho até que os Parrachos de Pirangí tinha que realmente ser preservado como outros pelo Brasil afora, mas essa portaria  de última hora tem um efeito devastador de autoritarismo. Os cidadãos que frequentam os Parrachos, em suas potentes lanchas e outros barcos, não podem ficar na alça de mira das armas dos fiscais do Ibama, nem de suas canetadas sem nem saberem porque. Se algum impedimento existisse quanto a navegação e ancoragem nos Parrachos, a Capitania dos Portos era a primeira a ser notificada. Não pode uma instituição como o IBAMA, de última hora, sair procurando corais, peixinhos, tartarugas, golfinhos e outras espécies somente por ter sido cutucada pela mídia. A muito tempo os Parrachos são utilizados e a muito tempo eles são devastados, por que somente agora por causa de uma festinha ele passou a ser impedido. Quanto a empresa Marina Badauê, garanto que os mesmos fiscais que hoje proíbem a empresa de operar, já fizeram esse passeio em várias ocasiões sem ver nenhum problema. A portaria vem no eco de uma vaia náutica e movida com a mesma ira que um dia deu fim a vida de uma criança que caçava arribaçã. Não precisamos do Estado policial, precisamos de um Estado em que os direitos e deveres sejam claros e respeitados. Preservação sim, mas autoritarismo desvairado não!

Anúncios

PARRACHOS DA DISCÓRDIA

Se não bastassem os problemas de som alto e desrespeito a boa convivência entre os moradores e veranistas, agora a praia de Pirangí tem mais um problema a resolver. Dessa vez num dos seus mais belos cartões postais, os Parrachos. A muito tempo precisando ser regulamentado o uso sustentável do lugar, mas sem o menor interesse, até então por partes das autoridades competentes, bastou um organizador anunciar um carnaval movido a barco elétrico para todo mundo cair de pau na festa e aparecer mil e uma regras e pitacos de última hora. Coisa bem natural no Brasil! Não fui ver a pendenga de perto, mas pelos comentários deu para imaginar o festival que teve como ponto alto uma grande vaia por parte dos banhistas e tripulantes, das muitas lanchas ancoradas no local, nas autoridades que se fizeram presente. Dizem que vai sair do forno uma nova APA, mas como estamos mais próximos do que nunca do carnaval, acho que se sair uma boa pizza tá de bom tamanho.