Arquivo da tag: kiko pellicano

E o Orion se foi!

partida do orion (4)partida do orion (6)partida do orion (8)partida do orion (11)partida do orion (13)partida do orion (20)partida do orion (23)

Lucia costuma dizer que os piores dias de minha vida é quando eu vejo um veleiro partindo e eu vou ficando nas pedras do porto. O pior é que ela tem toda razão! Nesses últimos dias eu já tive um punhado de dias ruins e tomara que eles não se estendam por muito tempo. Hoje foi a vez de entregar o cabo para mais um veleiro que estava ancorado em Natal e que partiu no rumo do vento, o veleiro Orion comandado pelo Kiko Pellicano. Kiko e Cris, passaram mais de um mês em Natal, enquanto o Orion passava por uma breve reforma com o Skipper e exímio mestre em manutenção náutica Joca. O Orion saiu no rumo do Caribe, mas antes, Kiko pretende arribar para entrar em Galinho/RN, Camocim/CE e onde mais der na telha. Se depender dos escritos do casal Bel e Bob, veleiro Bicho Vermelho, que Kiko anda debaixo do braço, essa viagem vai ter mais de uma dúzia de paradas somente no litoral norte do Brasil. O Bicho Vermelho entrou onde deu e onde não deu em 2001, e os relatos dessa viagem são interessantes e extremamente apetitosos para qualquer velejador de cruzeiro. Boa viagem e bons ventos ao Orion!

Anúncios

O encontro com um senhor do vento

filme senhores do vento (2)filme senhores do vento (3)filme senhores do vento (4)filme senhores do vento (9)filme senhores do vento (11)filme senhores do vento (13)

Ontem, 28/10, a noite no Iate Clube do Natal, ainda sob os ventos e animações da regata Fernando de Noronha/Natal, tivemos mais um bom evento para os amantes da vela. O encontro de velejadores acontece sempre as Quartas-Feiras e nessa que passou, 27/10, tive o prazer de fazer a apresentação das fotos e uns breves comentários sobre a nossa navegada até a ilha caribenha de Trinidad. Mas, como ainda tem muita gente boa ancorada no Potengi a espera da vontade de ir embora, uns para o Caribe e outros de volta para casa, todo dia é dia de encontro de velejadores e essa Quinta-Feira não foi diferente. Aproveitando a presença entre nós do velejador Kiko Pellicano, medalhista olímpico na olimpíada de Atlanta, e tripulante do Brasil 1 na regata volta ao mundo Volvo Ocean Race edição 2005, assistimos o filme Senhores do Vento, que conta como foi a participação brasileira na competição. Foi mais um grande encontro enriquecido pelos comentários de Kiko Pellicano, contando causos e situações vividas pela tripulação comandada pelo velejador Torben Grael e que não constam no filme e nem no livro Lobos do Mar e explicando cenas passadas na tela. Conversar com o Kiko, e escutar suas histórias recheadas de causos hilários e muita adrenalina, é um bom momento para aprender um pouco da história do esporte a vela. Ele como medalhista olímpico e grande velejador consagrado no mundo é um poço de histórias. Demos boas risadas na noite de Quinta-Feira e todos que compareceram ao encontro saíram felizes. Não posso deixar de agradecer ao velejador Kiko Pellicano pela humildade e presteza em atender o convite.