Arquivo da tag: guerra

Tum, tum, tum, tum…

ap19200667198284

Tenho dito que os senhores da guerra querem guerrear e vão guerrear a qualquer custo, pois foi assim que se comportaram quando inventaram as duas grandes guerras mundiais e é assim que agem quando querem trocar balas, bofetes e farpas em conflitos ditos menores. Lógico, menores para eles, que sentam o traseiro no bem bom de suas poltronas acolchoadas e vão tomar champanhe assistindo e se divertindo com a matança de inocentes. Na última sexta-feira, 19/07, o Irã apreendeu um navio petroleiro britânico, no barril de fogo das águas do Estreito de Ormuz, e pelo ranger dos dentes dos ingleses o incidente vai gerar mais um passo em direção ao próximo apocalipse. No começo de julho um petroleiro iraniano foi apreendido pelos ingleses, em Gilbratar, mas para os súditos da rainha um mal feito não justifica o outro. Por causa da apreensão do navio da rainha, em Ormuz, os tambores da guerra começaram a bater com mais força e os meninos do Tio Sam, que adoram trocar balas, já estão pintando o rosto e azeitando as winchester. Por outro lado, os galegos tomadores de vodka estão afiando as facas, dando brilho nos grilhões e mandando os uniformes de urso para a tinturaria. Nessa peleja quem falar mais grosso ganha, mas o problema é conseguir que o outro afine a voz. – E nós com isso? Por enquanto quase nada, mas tem dois navios iranianos atracados no porto de Paranaguá/PR, proibidos de serem abastecidos pela Petrobras para não provocar prejuízos nas relações comerciais entre Brasil e EUA, porque as empresas, proprietárias das embarcações,  estão sob sanções dos ianques.         

Anúncios

O mundo em pé de guerra

E os senhores da guerra já se cansaram de botar fogo em disputas no varejo e a cada dia dão sinais que vão partir para o atacado no terceiro arranca rabo mundial e quem quiser que se exploda. As mãos dos tocadores de tambores já estão em carne viva e a turma que abastece o braseiro das fogueiras que lançam sinais de fumaça, está trabalhando dobrado. O site EL PAÍS dá conta de uma birra, na madrugada da sexta-feira 07/06, entre os comandantes de dois navios de guerra, americano e russo, que dá uma ideia em que pé está a batalha. Dois irresponsáveis, que devem ter as costas bem largas e o aval dos digníssimos mandatários bufões, pois se assim não fosse, hoje estariam presos. Bastava um leve arranhão no costado dos navios para que o mundo acordasse para o final de semana em plena Terceira Guerra. Quem irá estancar a sede de sangue dos amalucados do Kremlin e da Casa Branca? Ninguém!