Arquivo da tag: curiosidade

E nem choveu

IMG_0027

Sabe de uma coisa, a postagem Entre uma Chuva e Outra me deixou com uma pontinha de culpa, porque nunca achei que chuva fosse empecilho para deixar de velejar, a não ser, quando o vento resolve acelerar a música para animar a festa. Claro que se for aquele toró de lascar o cano, o melhor a fazer é pegar um bom livro, sentar e esperar o bicho acalmar. Depois que desliguei o computador, fui para o cockpit, olhei em volta, me indaguei e perguntei para Lucia: – Vamos sair? A resposta foi a mesma de sempre, porque para ela nada impede de velejar, alias, nada é empecilho para se deixar de fazer alguma coisa: – A hora que você quiser! Como eu já disse, a resposta eu já sabia, apenas perguntei para ouvir novamente. Recolhi o toldo, subi a vela grande, recolhi a âncora e deixamos Salinas da Margarida para trás e aproei o Rio Paraguaçu, numa velejada de lavar a alma, com o Avoante navegando na estonteante velocidade média de 2 nós – para que a pressa –, até que o sol se retirou de cena e jogamos âncora novamente em frente ao paraíso que ilustra essa postagem. E nem choveu. Quer saber que lugar é esse? Claro que muitos vão se adiantar em contar, mas mesmo assim vou atiçar a sua curiosidade. Depois eu conto!

 

Anúncios

Brindando o retorno do veleiro Amazonas

IMG_0168IMG_0173IMG_0175

É muito legal rever os amigos que saem para uma navegada pelos mares do mundo e retornam em paz e com saúde. Ontem, 12/08, fomos abraçar o amigo Eduardo Zanella (Zanellinha) que retorna de uma temporada no Caribe, como comandante do veleiro Amazonas, um belo e luxuoso barco de madeira, que está de passagem pela Bahia. Foi uma noite chuvosa e de muita descontração na companhia dos amigos Luiz, Gileno, Cassia, Hugo e Catarina, saboreando os famosos acarajés e abarás da Cira, levados pelo casal Hugo e Catarina, e também uma pequena porção de uma receita de bacalhau preparada pelo chef Luiz, tudo regado com o mais puro Rum caribenho. Quem não gostou muito foi o Zanellinha, que estava guardando a porção de bacalhau a sete chaves para o lanche da madrugada, mas perdeu a iguaria para a curiosidade gastronômica aguçada de Lucia. O veleiro Amazonas já foi motivos de outros post em nosso blog quando de sua estadia em Natal/RN na ida para o Caribe em 2011, entre eles: Uma noite especial no veleiro Amazonas. Alias, todas as recepções no veleiro Amazonas são especiais.