Arquivo da tag: coroa do limo

Nossa noite da virada

20151231_23514120151231_235247

Não existe regra ou superstição, mas para quem é do mar, não tem nada melhor do que passar os bons momentos da vida a bordo de um barco e uma festa de fim de ano não poderia ser diferente. Em 2015 escolhemos mais uma vez a Ilha de Itaparica para passar a noite da virada e tivemos momentos maravilhosos a bordo do veleiro Flashback, do casal Fabio e Kise, da Mãe dele, da avó de 99 anos, que já se adiantou e prometeu estar a bordo no final de 2016, e na companhia do casal Sampaio e Nena, escuna Morena. Foi uma noite de alegria e bons papos, porque o Sampaio é um poço sem fim de boas histórias do mar e não se cansa em repassar adiante seus conhecimentos náuticos, que não são poucos e eu sou um ouvinte atento. Uma das boas surpresas da virada do ano em Itaparica foi o clima de harmonia, paz, tranquilidade e sonorização no limite aceitável para os ouvidos alheios. A ancoragem também foi tranquila e dividida entre pouco mais de 20 veleiros e a outrora movimentação frenética de jets e lanchas não aconteceu. Talvez por causa do feriado prolongado que espalhou as flotilhas por outros fundeadouros. Como diria o dono de pousada no litoral norte do Rio Grande do Norte, quando um amigo fez elogios a ambientação e limpeza de sua pousada: – Gosto quando está assim e sem ninguém!

20160101_14371220160101_14374920160101_14382420160101_15571920160101_175408

Na manhã do dia primeiro a Coroa do Limo foi o espaço escolhido para curar a excesso do champanhe da noite anterior e virou uma grande praça de confraternização entre as tripulações. No final da tarde o pôr do sol presenteou a todos com um magnânimo festival de cores. Viva 2016!

Anúncios

Uma visita especial

IMG_0097IMG_0150

Nada melhor do que receber a visita dos amigos que moram distante. Essa semana tivemos a alegria de receber a bordo a amiga Marta Machado, que veio passar dois dias com a gente na Ilha de Itaparica. Passeamos muito, catamos chumbinho na Coroa do Limo, colocamos os assuntos em dia e ficamos saudosos por ter sido uma visita tão rápida. Marta é uma grande amiga que faz parte da história do Avoante.

Não foi barbeiragem

Imagens 023No mar nem tudo é o que parece ser. O comandante desse belo veleiro OVNI precisava fazer um servicinho básico e resolveu aproveitar a Coroa do Limo, Ilha de Itaparica/BA, para encalhar. O OVNI tem quilha retrátil e por isso permite essas comodidades.

Velejando no Canal de Itaparica

Imagens 034 Navegar pela Bahia é uma festa! Para onde aproamos o barco surge uma paisagem de sonhos, vento a favor, mar de fazer inveja e ancoragens belíssimas. Na semana passada navegamos pelo canal interno da Ilha de Itaparica, junto com dois veleiros: O argentino Aventurero e o alagoano Tike Take. Na primeira noite ancoramos na Fonte do Tororó, uma ancoragem excelente para uma noite tranquila, mas a fonte que é bom, só existe mesmo no nome. Dizem que uma empresa represa a água e por isso a fonte secou, mas mesmo assim o banho de mar é uma delícia. No dia seguinte rumamos para a Praia de Mutá, muito próximo de Tororó e outro fundeio perfeito.  Hoje Mutá é um ponto de encontro de velejadores baianos.   Uma das atrações de Mutá, além do banho de mar e da praia muito bonita, é o Restaurante Sabor de Mutá com uma culinária muito especial e comandado pelo casal velejador Almir e Simone. Mesmo se não gostar Imagens 036da comida você não vai sair falando, pois o Almir tem conversa para muitas horas de um bom bate-papo. Dessa vez não fomos ao Restaurante Sabor de Mutá, pois no dia seguinte, a nossa chegada, o Aventurero e o Tike Take resolveram levantar âncoras e retornar a Salvador. Nós ficamos sozinhos e aproveitamos para descer o canal até a Praia de Catu, outro fundeio sensacional, já próximo a Barra Falsa de Itaparica. Imagens 064Dois dias depois retornamos a Itaparica e no meio da navegada ficamos sabendo através do velejador Davi Hermida que no Sábado, 26/02, o Saveiro Vendaval estaria em Itaparica para um passeio, e no mesmo dia haveria a lavagem da Coroa do Limo, uma faixa de areia que descobre na maré baixa, em frente a Marina de Itaparica.Imagens 102 Em busca da festa aproamos o fundeio de Itaparica! Velejar em um Saveiro é o mesmo que velejar na história da Bahia. Já velejei no Vendaval em outras oportunidades, mas nunca matei a vontade. Sempre que ele esta disponível para velejar, e estou na Bahia, eu me convido. A lavagem da Coroa do Limo é uma festa organizada por velejadores do Aratu Iate Clube, bastante informal e animada. A turma se reúne na Coroa e contratam uma bandinha de sopro para animar a festa. Os que estão com os barcos ancorados ao largo, vão desembarcando e a festa acontece na maior alegria. Churrasco, feijoada em dingue, muita cerveja gelada e as marchinhas carnavalescas dão o tom a festa, que só termina quando o mar resolve tomar conta novamente da Coroa do Limo. Lavagem da Coroa  de Itaparica (37) Lavagem da Coroa  de Itaparica (17)Lavagem da Coroa  de Itaparica (18) Um detalhe chamou nossa atenção em toda essa folia: No final não existia nenhuma sujeira nas areias e nem na água. A festa foi grande e animada, mas a consciência ecológica da turma foi ainda maior. Valeu!