Arquivo da categoria: Fotos

É crime

janeiro a junho (354)

Olhando esse retrato, convidativo para um dia de sol e mar nas encantadoras praias nordestinas, fico impávido para escrever sobre o óleo que criminosamente mancha as areias de um litoral tão lindo, mas prefiro recolher o destemor até que meus dedos tomem ciência para encontrar palavras decentes, porque por enquanto eles só querem juntar letras de indecências.

Dos reinados poéticos

Enxu Queimado julho 2017 - Erico Amorim (2)

A poesia é multifacetada, assim como são as imagens retratadas pelos poetas.  – E o que dizem elas? – O que eu quiser!  Érico Amorim das Virgens é um poeta!

A poesia é livre

Screenshot_2018-11-09-18-08-37 (2)

Sinceramente não sei quem foi o feliz autor dessa imagem, mas faz um punhado de dias que ela habita meus arquivos e cada vez que a vejo, mais fico enfeitiçado pela magia e o carinho no olhar da bela senhora, porém, o que me deixa perdido em pensamentos é o dedinho entre os lábios.

Registros e recordações

viagem no Tranquilidade em 2011 (40)

Vasculhando os arquivos da alma para espanar a poeira, pesquei essa imagem, uma pequena fração da velejada no catamarã Tranquilidade, entre São Luiz/MA e Natal/RN, em junho de 2012, na companhia dos amigos Sérgio Marque, Moby, Erasmo e Flávio Alcides. O retrato foi  o registro da ancoragem no Marina Park Hotel, em Fortaleza/CE. – Quer saber o que Lucia serviu nesse almoço, né? – Acesse o link, Nas águas de Iracema, e confira! E assim, segue o tempo!

Sobre barcos e barcos

IMG_0017 (2)

Existem barcos que vão ali, outros vão alhures e alguns que são verdadeiras obras-primas da engenharia marinheira e que tornam infinitos sonhos e horizontes

REFENO, celeiro de boas amizades

Imagens 105Imagens 106Imagens 114Imagens 122Imagens 125Imagens 127Imagens 129Imagens 130Imagens 136Imagens 137Imagens 138Imagens 140Imagens 145Imagens 148Imagens 155Imagens 159Imagens 167Imagens 172Imagens 174Imagens 185Imagens 187Imagens 191Imagens 195Imagens 199Imagens 201Imagens 206Imagens 212Imagens 215Imagens 216

A REFENO – Regata Recife/Fernando de Noronha, uma das mais gostosas provas do iatismo brasileiro, um grande encontro dos amantes da vela de oceano, mas antes de tudo, é nas dependências do Cabanga Iate Clube de Pernambuco que boas e sinceras amizades são forjadas e se perpetuam abençoadas por gotas de água salgada. As imagens que ilustram essa postagem, com personagens que fizeram a história da REFENO 2010 – uma prova que os deuses do mar fizeram questão de testar a capacidade dos comandantes em um mar de faroeste – fazem parte de um recheado acervo de memórias que guardo com muito carinho.  Lembranças e saudades de uma vida bem vivida ao sabor dos ventos e sob os ensinamentos do mar.   

Sobre mitos e lendas

62571502_1363312617143369_2936570136431165440_n

Pesquei a imagem do grupo Velejadores de Clássicos, postada pelo comandante Eduardo Ballot, que comentou assim: “Três lendas em uma só photo…”. Se o barco for algum dos lendários veleiros do Éric, eu diria assim: Quatro lendas em uma só foto, o velejador francês Éric Tabarly, na companhia dos atores Alain Delon e Brigitte Bardot, a bordo de um Pen Duick.