Velejador alemão e esposa, assassinados por piratas islâmicos


alemaesassassinadosUm grupo de extremistas islâmicos cumpriram a ameaça e executaram, dia 27/02, o velejador alemão Jürgen Kantner, de 70 anos. A esposa de Kantner, Sabine Merz, havia sido morta durante a abordagem ao veleiro do casal, em novembro de 2016, e seu corpo foi deixado a bordo, sendo encontrado dias depois. O ataque aconteceu ao sul das Filipinas, na Região Autônoma Muçulmana de Mindanau. Os bandidos pediam ao governo alemão um resgate de 600 mil dólares que deveria ser pago até o dia 26/02. Fonte: site Almanáutica 

Anúncios

2 Respostas para “Velejador alemão e esposa, assassinados por piratas islâmicos

  1. Pirataria tem que ser combatida de todas as formas. Não interessa a religião ou qualquer outra característica. Tirar ou ameaças a vida de alguém em razão de dinheiro? Hediondo.
    Que a família dos velejadores tenham paz no coração para poder viver com tal brutalidade.

    😦

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s