Cartas de Enxu 08


1 Janeiro (15)

Enxu Queimado/RN, 13 de fevereiro de 2017

Tem coisas que custo a entender, ainda mais quando me deparo com manchetes de jornais e revistas que mais confundem do que tentam informar. E o que acho mais danado é que hoje em dia o leitor nem se dá ao trabalho de ler o primeiro parágrafo do corpo matéria, que geralmente traça o rumo da informação, e prefere espalhar aos quatro ventos whatsappianos uma desgraceira, que na grande maioria das vezes não passa de nadica de nada.

Pois é meu amigo Milito, essa semana vi uma manchete, em um jornal da capital dos Magos, que dizia que a barragem Armando Ribeiro Gonçalves, a maior do Rio Grande do Norte, começaria a captar água do desafamado volume morto, porém, os técnicos afirmavam que o tal volume não era tão desabonado assim e que nem tudo é o que se fala. Na hora lembrei das inúmeras manchetes apocalípticas sobre o volume morto do paulistano Cantareira, onde nenhum repórter e nem ninguém queriam saber o que diziam os técnicos e pegue pau na moleira de quem estava autoridade para distribuir as gotinhas de água. Agora eu lhe pergunto meu amigo: – Será que o volume morto de lá é mais morto do que o de cá, ou será que nem uma coisa nem outra? Mas tudo bem, se não souber a resposta – como também não sei – fique quieto e se dê por respondido, porque nesse meio de mês, de um fevereiro carnavalesco, São Pedro resolver abrir um tiquinho as torneiras do Céu e deixou cair água nas cabeceiras dos rios que abastecem as barragens potiguares e o morto parece que abriu os olhos novamente. Só tomara que o santo da chuva dê um longo cochilo e esqueça as torneiras ligadas.

Agora mudando os punhos da rede para outro armador, para poder observar, pela posição dos geradores eólicos do parque da Serveng energia, a direção de onde está vindo o vento, lembrei que li algo sobre o potencial energético dos campos eólicos brasileiros e até gostei das informações. Na matéria estava escrito que subimos uma posição no ranking mundial e passamos do décimo para o nono degrau e agora estamos na frente dos italianos. Meu amigo, dizem que no quesito pizzaria há muito ultrapassamos os seus conterrâneos, pois aqui em cada recantinho de pé de serra tem pizza a torto e a direito e em sabores que vai de galinha caipira a x-tudo, basta o cliente querer. Se continuar nessa pisadinha de ganhar tudo dos italianos em breve nem o macarrão será deles, basta ver o tamanho da fábrica do Vitarella nas terras do maracatu.

Sim “Melito” – como chama o comandante Flávio Alcides – me dê notícias do português Luiz. Será que tem pescado muita sardinha? Rapaz, ainda não esqueci daquele churrasco de peixe que você tanta comenta. Qualquer dia, quando Pedrinho chegar por aqui com uns cestos sortidos e carregados de escamudos, farei uma churrascada como a que você falou. Claro que você e Dona Zoraide serão convidados. Me aguarde!

Eita que já ia esquecendo do assunto do vento. Pois é, nosso país, mesmo caminhando em chão de brasa de fogo, está com mais de 10 mil Megawatt de energia eólica instalada e em breve outros tantos se somarão, pois o governo promete lançar novos leilões em 2017 e já tem empresa com consultas de projetos pré-aprovadas para os municípios de Pedra Grande e São Miguel do Gostoso, região que tem vento para dar, vender e emprestar. Só aí serão gerados, além da energia de Éolo, mais de 680 empregos diretos. E assim a banda vai tocando!

E por falar em banda: Me diga como está sua preparação para o Carnaval? Tenho escudo que em Natal vai ter folia, não aquela folia que teve lá por cima das dunas de Pium, mas folia de Mono de verdade, com direito ao frevo de Morais Moreira, Elba Ramalho e uma trupe de gente boa. Uns reclamam da gastança, outros dizem vivas, mas o que seria da alegria se não existisse o circo, né não? Eu adoro Carnaval, pois assim vou seguindo na linha que meu pai traçou. Rapaz, Nelson Mattos era um trombonista arretado da molesta! E Ceminha, a essas alturas do campeonato já estava com as fantasias da família e dos amigos prontas. Pense num povo festeiro!

Nas ruas entre a Redinha e Ponta Negra, soube que vai ter bandinha para todo gosto e mania, tem até uma tal de Cadê Xoxó, Xoxó taí? Essa deve ser das boas e se me der na telha vou dar uns pulos no meio de Xoxó. Aqui por Enxu vai ter folia, mas os baticuns ainda estão meio que inibidos e os trompetes tocando baixo, mas que vai ter, vai. Só tomara que em todo lugar os festejos de Momo sejam nos braços da paz que tanto necessitamos.

Meu caro amigo Hélio Milito, por enquanto é o que lembro para escrever essa prosa, mas digo ainda que não esqueci do seu convite para dar uns bordos no Blue Jeans. Um dia darei o ar da graça e quando for levo umas cervas geladas para aplacar o calor e ajustar as velas com mais precisão.

Até mais!

Nelson Mattos Filho

Anúncios

2 Respostas para “Cartas de Enxu 08

  1. Amigo Nelson !
    Fiquei muito feliz de uma das famosas cartas de Enxu ter sido direcionado a minha pessoa , pois vejo nestas suas crônicas uma visão muito mais apurada do mundinho que nos rodeia do que tem estas pessoas que se dizem estadistas e que conhecem a vontade e os Anceios o povo que votou neles
    O seu amigo aqui pouco entende de seca e de volume morto , mas sei que é o dednho podre da humanidade tem muito a ver com isso , se descuidando de cuidar da mãe primeira que é a mãe natureza
    Quanto a pizza e pasta , como bom descendente de Italiano digo que o tempero da Mamma Itália é incomparável , é o mesmo que um Italiano fazer Tapioca ou Engrolado feitos no Avoante , não vai ficar igual nunca aos quitutes de minha amiga Lúcia
    Bom para finalizar a resposta vou enviar uma cópia para Luís Figueiredo em Viseu – PT que está a mostrar as belas fotos tiradas em Enxu

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s