Era uma vez um tubarão…


megalodon-wikimedia-commons

O filme Tubarão e aquela musiquinha angustiante e fantasmagórica se tornou um marco na vida de muitos amantes do mar, porque quem tinha medo ficou com mais medo ainda e quem não tinha, passou a olhar para os lados e observar atentamente na cata de uma barbatanazinha antes de dar um mergulhinho despreocupado, mas com certeza o Steven Spielberg, diretor do filme, queria mesmo amedrontar os desavisados e quando criou o monstro cinematográfico estava pensando no  megalodon, o maior tubarão que já existiu nos mares, e segundo os últimos estudos científicos, dono de uma mordida com força superior ao dinossauro Tiranossauro Rex, outro mostro impiedoso. O megalodon tinha em média 18 metros de comprimento e reinou nos oceanos por mais de 14 milhões de anos, porém, desapareceram repentinamente há aproximadamente 2,6 milhões anos, e, novamente, segundo os estudiosos, a espécie morreu de fome. Os monstros se alimentavam de baleias anãs, que viviam em região de águas mais aquecidas, mas devido o resfriamento dos oceanos os baleotes não se adaptaram e morreram. Os megalodons, então, migraram para os oceanos gelados, mas não conseguiam caçar baleias maiores e assim sucumbiram diante da fome. Porém, tudo ainda são teorias, os estudos avançam nesse sentido e a ciência não para. – Taí um assunto para uma boa dose de bate papo diante do mar de verão! Fonte: Exame.com/ciência   

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s