Um furacão no Atlântico Norte


furacão alex

Um raro furacão deu as caras no Atlântico Norte na tarde dessa quinta-feira, 14 de janeiro e foi batizado pelos estudiosos dos efeitos climáticos de Alex. O Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos emitiu boletim classificando o Alex como um furacão com centro mínimo de pressão de 981 hPa e ventos estimados em 140 km/h. A fera climática no fim da tarde estava a 790 km ao sul da ilha Faial, nos Açores. Segundo os cientistas do tempo, o Alex deve ter vida curta, porque está seguindo para o norte, onde as águas são frias e isso enfraquece o monstro. Tomara! Fonte: site Terra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s