No tabuleiro da baiana tem…


20150523_19020520150523_191207

O Avoante agora abaianou de vez. Já não bastassem as deliciosas moquecas produzidas a bordo, Lucia botou na cabeça que iria aprender a fazer acarajé é aprendeu mesmo.

20150518_212645IMG_0090 

Ela se matriculou no Curso de Acarajé e Abará oferecido pelo SENAC do Pelourinho, sob a batuta do professor Elmo, auxiliado pelo professor Adriano, e depois de quatro dias de aulas saiu de lá toda feliz exibindo o diploma e uns quilinhos a mais. No dia seguinte já estava no batente percorrendo a famosa Feira de São Joaquim em busca da matéria-prima dos bolinhos de feijão fradinho, com a ajuda da amiga Cidinha – colega de turma e dona de uma banca de acarajé no Bairro de Pernambués. Os famosos bolinhos, que muita gente brinca dizendo que é hambúrguer de baiano, é levado a sério na Bahia. Existe até uma Lei que regula desde a forma de preparo até a comercialização. Acarajé na Bahia é religião e ai daquele que se meta a besta de tentar fugir dos padrões tradicionais. A baiana do acarajé é bem dizer quase uma divindade e o seu tabuleiro é sagrado.

IMG_0091IMG_0092IMG_0095IMG_0097IMG_0102

E como eu falei em feira: A Feira de São Joaquim é talvez o território baiano dotado de maior baianidade. Ali o visitante encontra de tudo um muito e caminhar entre o rugi rugi das suas vielas entupidas de gente, mercadorias e cores é um verdadeiro exercício de contorcionismo. Até motocicleta circula entre os corredores da feira, o que me pareceu uma coisa tão corriqueira que não vi ninguém incomodado. Sempre tive vontade de visitar a Feira de São Joaquim, mas nunca me animei a ir. Com Lucia pisando firme no terreiro da culinária baiana já vi que a Feira vai ser meu destino obrigatório.

IMG_0088IMG_0089

Não tem como preparar o verdadeiro acarajé da Bahia sem passar antes pela Feira de São Joaquim. Basta o freguês colocar os pés na calçada para sentir a mistura de aromas forte exalados e que tem como carro chefe o camarão defumado e o azeite de dendê. O visual do local não se parece muito acolhedor e a desarrumação dita a regra, porém, o ambiente é alegre, festivo e o cliente só não encontra o que não quer encontrar. Brevemente a Feira receberá uma repaginada e já dá para ver a nova estrutura em construção, tomara que não perca o calor, porque é na Feira de São Joaquim que a Bahia se encontra. Agora vamos a prova dos nove:

20150523_14100120150523_163208 

Curso concluído, matéria-prima comprada, só bastava agora Lucia botar a mão na massa. E as cobaias? Isso foi o mais fácil de arranjar, pois basta dizer a um baiano que vai ter um acarajé em tal lugar que ele chega na hora e ainda ajuda na arrumação. O primeiro a ser feito, na cozinha do Avoante, foi o Abará. Pense num moído! O piso do barco terminou coberto por pedaços de folhas de bananeira, cascas de camarão e pingos de dendê. E eu aprendi uma nova profissão: Enxugador de folha de bananeira – utilizada para envelopar o abará. A folha tem que ser lavada, depois enxuta e foi ai que eu entrei. Quem manda ficar olhando! O pagamento foi ter o privilégio de comer o primeiro abará produzido por Lucia e que estava divino.

20150523_18332320150523_19090220150523_19091420150523_19195720150523_192409

Marcamos a degustação para às 18 horas do Sábado, 23/05, na varanda do Angra dos Veleiros, pois Lucia iria utilizar a cozinha do restaurante Vento em Popa, administrado pelo João, para preparar e fritar os acarajés. Na hora marcada estavam todos lá e mais uns agregados para fazer a festa. Quer saber se aprovou? Eu nem respondo, pois sou suspeito.

Anúncios

22 Respostas para “No tabuleiro da baiana tem…

  1. Tá de sacanagem comigo!!!!! Rapaz, vou acabar comendo as fotos….kkkkk
    Me diga o que Lúcia não sabe fazer na cozinha!!!!
    Vais ver quando eu for aí de novo, cmte. Vou querer comer acarajé até papocar. Não vai sobrar pra ninguém! kkkk

    Curtir

  2. Nossa Senhora, divino, maravilhoso, mais que menina prendada.
    Hummmmmmm

    Curtir

  3. Rui Alcide Talaia

    Isso, mata o velho, mata. Tou precisando fazer uma visitinha na Bahia……
    As lombrigas acabarão de ficar agitadas por aqui, culpa de quem????
    Só poderia ser da Lucia…..
    Beijos…

    Curtir

    • diariodoavoante

      Grande Rui Talaia, deixe essa vidinha mansa de paulista e venha matar a fome dessas lombrigas na Bahia. Grande abraço, Nelson

      Curtir

  4. Parodiando… ” ok, você venceu: acarajés fritos…”.

    Curtir

  5. Aff, Lucia, que maravilha. Quero experimentar também. Amo acarajé!

    Curtir

  6. EU tive o prazer de ser uma das cobaias. Quem quiser participar vale apena pois estava gostoso. MAs se prepare Para trabalhar por que Para cada parte do processo precisa de ajudante. A pobre da Fatima no final tinha massa por Toda a perna.

    Curtir

  7. Viomario Ferreira (Divã II )

    Parabéns Lúcia, espero muito em breve poder degustar essa maravilha com uma cerveja abordo do Avoante.

    Curtir

  8. E tem alguma coisa no mundo que a Lúcia não faça??? A Bahia só faz bem, Comandante!!

    Curtir

  9. Parabens D. Lucia a mais nova bahiana de acaragé e abara da Bahia. E a voce Nelson tambem o meu parabens pela sua parcipação elevando a nossa Bahia de Todos os Santos na revista Nautica deste mes . ABS . Cabral.

    Curtir

    • diariodoavoante

      Caro Dr. Clovis, Lucia pede para fazer os agradecimentos e quero dizer que não sabia que a matéria já havia sido publicada na Náutica. Grande abraço, Nelson

      Curtir

  10. Maravilha. Precisamos marcar a próxima.

    Curtir

  11. Sou louca para conhecer o Avoante e depois dessa, não dá outra. Sei que um dia hei de experimentar o tempero desta nova baiana. Parabéns!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s