Sergipe – Um litoral que merece muito mais


MINHA MÁQUINA (9)MINHA MÁQUINA (125)

Foi com uma pontada de alegria que li uma manchete no blog e-Turismo, editado pelo jornalista Antonio Roberto Rocha, no jornal potiguar Tribuna do Norte, periódico que acolhe todos os domingos a coluna Diário do Avoante. A manchete diz assim: Sergipe quer apoio do Ministério do Turismo para píer, atracadouro e esculturas no rio que banha Aracaju. No corpo da matéria, que inicia falando de um encontro entre o governador sergipano e o ministro do turismo para tratar dos festejos juninos e manifestações culturais, entrou o tema náutico como fonte de incentivo aos anseios do progresso. Foi ai que minha alegria se transformou na velha certeza de que nossos governantes realmente desconhecem o poder que tem o mar como fonte de riquezas turísticas. O píer pretendido pelo governo, as margens do Rio Sergipe,  é para criar um novo cartão postal para a cidade. Diante dele, no meio do rio, serão plantadas oito esculturas de personagens do folclore sergipano. A ideia é louvável e acho mesmo que o Rio Sergipe merece essa repagina. As imagens que abrem essa postagem foram feitas no povoado de Pontal, as margens do Rio Real, e do alto da ponte Gilberto Amado, que cruza o Rio Piauí. Do alto da ponte retratei a Barra de Estância, uma barra larga, instigante e que deixa muitos velejadores de cruzeiro com água na boca. Já adentrei essa barra em duas oportunidade com o Avoante e me declaro um apaixonado pelas belezas que compõem aquelas pairagens que denomino de Explosão de Beleza. Não consigo uma definição melhor!

indiaroba sergipe (24)MINHA MÁQUINA (143)

Pois bem, o Governo de Sergipe deve mesmo apostar no píer do cartão postal, mas poderia também estender suas apostas para transformar o litoral de Sergipe em um novo ponto de atracação para veleiros de todo o mundo. Todos que navegam a costa brasileira olham com olhos de pidão para a costa sergipana, mas infelizmente suas barras são rasas, difíceis, desaconselháveis, porém, incrivelmente desejáveis. Não precisaria muito além de dragagem e balizamento, pois a divulgação seria feita no boca a boca entre os velejadores e tenho certeza do sucesso. Os rios que compõem o estuário do Rio Real são todos navegáveis e isso pude comprovar nas vezes em que estive por lá com o Avoante. Naveguei por mais de 7 milhas entre os rios Real, Piauí e Priapu até jogar ferro em frente ao povoado de Terra Caída. Quando os amigos do mar sabem que adentrei ali – muitos conhecem como Mangue Seco – me procuram em busca de mais informações e até dos waypoints de entrada, porém, toda a rota que fiz em 2009 passou a ser desautorizada pela natureza, que a cada período do ano modifica o formato e o local dos bancos de areia. Sergipe, com um litoral tão belo e dotado de rios encantadores, é o único estado do litoral brasileiro que não recebe regularmente veleiros de oceano. Taí um bom tema para a próximo encontro do governador com o ministro do turismo. As duas últimas imagens são de canoas do município de Indiaroba, as margens do Rio Real, e coberturas para pequenas embarcações no povoado de Terra Caída.      

Anúncios

7 Respostas para “Sergipe – Um litoral que merece muito mais

  1. Muito bem colocado, e não vamos esquecer que o ministro do turismo é agora o potiguar Henrique Alves, que esperamos faça algo pra melhora-lo em Natal.

    Curtir

  2. Julival Fonseca de Góes

    Amiga Lucia, amigo Nelson, pessoalmente conhecemos a todos os locais pelo casal-velejador . Por isso concordamos plenamente com sua oportuna exposição.Aliás, em nosso livro DORA & A OUTRA METADE, tem trechos transcritos quando da passagem do pescador João Leite por Terra Caída e outras localidades. Por oportuno, lembramos quanto ao seguinte: em todo o trecho de mar entre Salvador e a extremidade de Sergipe, portanto, até a foz do Velho Chico, não há sequer, um único local de atracação que possa acolher emergencialmente a quem necessitar de uma mão amiga, socorro…Nesta direção, voltaremos a sugerir as nossas “AUTORIDADES ” que revejam suas decisões quanto a construção de pieres de apoio. Em Camaçari lembramos as localidades de: Jauá, Arembepe, Praia da Espera. Assim, cobriríamos a todos os 42 km de litoral do município. Infelizmente temos a concordar que em todas as gestões governamentais as promessas são repetidas, porem, jamais cumpridas. Vejamos no caso ( consideramos pertinente) o livro-documento Carta de Vilhena, autoria do economista, professor, palestrante, escritor Joaquim Luíz de Souza. O autor remonta a séculos passados quando já eram apontadas as ideais condições para a BTS-Baia de Todos os Santos, quanto a construção de estaleiros e outros equipamentos. Até hoje o que vemos? Quem quiser sair de barco de qualquer tipo, tem que “meter o pé na lama” caso deseje saltar em terra.
    Felicidades e à disposição, Julival Fonseca de Góes.( SEDUTOR, o veleiro amigo)

    Em tempo: tentaremos obter um exemplar do livro Cartas de Vilhena. Obtendo êxito, faremos chegar às conceituadas mãos de vocês

    Curtir

    • diariodoavoante

      Caro amigo Julival Góes, muito obrigado por mais um comentário carregado de sabedoria e ficarei aguardo ansioso o livro prometido. Um grande abraço, Nelson

      Curtir

  3. vamos esperar que essas promessas e essa reunião não fique esquecida, confesso que sou meio pé atrás até ver as coisas caminhando, mas vamos torcer pra que isso adiante, o nordeste uma região tão importante para quem entre e sai de veleiro, trawler seja o barco q for… merece muito mais.

    Curtir

  4. Parece mesmo que o Brasil não gosta de progredir pro lado certo. Não investe nem em ferrovias, muito menos em hidrovias, e o mundo náutico fica esquecido somente para os apaixonados por essa beleza de nosso litoral.

    Abraços ao casal Avoante!

    Mucuripe.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s