Mais um


IMG_0178

Essa imagem é de um navio naufragado em Fortaleza/CE e que precisa ser observado quando traçamos o rumo para chegar até a Marina Park Hotel, lugar indicado  para se ter uma ancoragem segura na capital cearense. Quem vem do Sul é preciso deixar o naufrágio por bombordo, além de observa o banco de areia que está bem demarcado na Carta Náutica.

IMG_0163

A atracação no píer da marina, que fica nas dependências de um dos mais luxuosos hotéis da cidade, é uma lástima, porque os flutuantes de ferro, que servem de píer, oferecem perigo eminente aos usuários e as próprias embarcações. Fortaleza é uma cidade linda e maravilhosa, o Hotel é muito bom, o Armando Banzay – encarregado da marina – uma pessoa fantástica e amiga, mas atracar por lá, somente com muito boa vontade. Mas o assunto desse post é outro.

image_mini Navegando no Noonsite.com – site que se propõe a dar informações essenciais a todo aquele que queira navegar por ai a bordo de um veleiro – li a notícia que o veleiro Schooner Windjammer, de bandeira australiana, sofreu uma tentativa de assalto na madrugada do dia 02 de Fevereiro, enquanto estava ancorado próximo ao naufrágio na espera de clarear o dia e atracar na Marina Park. O relato do comandante do Windjammer narra que um tripulante escutou a movimentação dos bandidos e deu o alarme. Os tripulantes lutaram com os bandidos e estes fugiram sem levar nada. Esse não é o primeiro caso ocorrido em Fortaleza é apenas mais um e zero de providências. 

Anúncios

5 Respostas para “Mais um

  1. É verdade. Fortaleza, a capital, só tem um lugar seguro: Marina Park! Qualquer outra tentativa de ancoragem ou pernoite é extremamente arriscada. A marina é ruinzinha mesmo, mas é segura, tem WiFi e boa estrutura do hotel. Nenhuma estrutura para reparos, tem que garimpar serviços pela cidade. TB não é barata, mas é a única opção viável em Fortaleza. Outros pontos da costa cearense são mais tranquilos, mas é sempre bom estar bem informado antes de arriscar.

    Curtir

  2. Assim fica difícil para o turismo náutico se desenvolver no Brasil!

    Curtir

  3. Jorge Antonio Dino

    Estive em Fortaleza de abril a junho de 2013 com o tri 3D.
    No início fui ao Marina Park.
    Como diz a reportagem, a atracação no píer da marina é uma lástima, oferecem perigo aos usuários e as próprias embarcações.
    No movimento das águas vão de encontro uns aos outros, com um barulho terrível que não permite ninguém nos barcos dormir direito.
    Para meu bolso ficou inviável as taxas cobradas.
    Optei, depois de dois dias ir para o Iate Clube de Fortaleza.
    Por quase três meses estive ancorado em frente, ao Iate sem nenhum aborrecimento.

    Curtir

  4. julival fonseca de góes

    CARO NELSON MATOS FILHO, NOSSO CORRESPONDENTE MAIOR:É REALMENTE LAMENTÁVEL! TRISTE! CONSTRANGEDOR…COMO ADMITIR QUE SENDO FORTALEZA UM DE NOSSOS MAIS “BADALADOS” DESTINOS TURÍSTICOS NÃO CONTE AO MENOS COM MEIA DÚZIA DE MARINAS COM ATENDIMENTO EFICIENTE E EFICAZ.? LOGO, CASO SEJA O HOTEL CONSIDERADO DE “LUXO” E CONTANDO COM UMA MARINA DA ÉPOCA DA PEDRA LASCADA, DEVE SUA DIREÇÃO PENSAR SERIAMENTE NISSO: C O M P E T I T I V I D A D E. POR OPORTUNO, FAREMOS EM NOSSO A BORDO DE DOMINGO- RÁDIO METRÓPOLE 101. 3 (METRO1.COM) DAS 10/11 HS.TEL. 71-3505-5000 UMA REPRODUÇÃO DAS INFORMAÇÕES DA MEDIEVAL MARINA.
    FRATERNALMENTE, JULIVAL FONSÊCA DE GÓES( 71-87741238)

    Curtir

  5. É lamentável que o Brasil seja destaque por notícias negativas que só atrapalham o turismo e a tranquilidade dos visitantes estrangeiros.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s