O sonho do viking


Barco viking Drakar (2)Barco viking Drakar (3)Barco viking Drakar (5)Barco viking Drakar

Conheci essa réplica de navio viking quando ele ainda estava sendo construído no Estaleiro Camarada, lá na cidade de Camamu/BA, e isso foi nos idos anos de 2005. Ao olhar para aquele cavername monumental fiquei imaginando o quanto os sonhos são diversos na cabeça de um sonhador. Em conversa com o proprietário do Estaleiro, Sr. Elpídio, senti uma grande euforia, pois logo conheci sua fama de bom construtor e conhecedor dos meandros da construção naval, inclusive a região de Camamu tem excelentes e premiados estaleiros. Pois bem, em 2010 estava eu no Iate Clube do Natal quando me aparece a silhueta de um estiloso barco negro e logo me veio a lembrança daquela construção que estava ora parada, ora em andamento, lá no Estaleiro Camarada. Quando ele atracou no píer do clube potiguar não tive mais dúvidas: Aquele era o mesmo barco só que agora o bicho estava navegando. Logo me apresentei ao proprietário, Roberto Oliveira, e fui saber tudo sobre a navegação daquela joia rara. Naquela época, 2010, ele estava com rota traçada para Trinidad, lá nas portas do Caribe, e confiante em que seu navio viking não negaria força e nem resistência para enfrentar a viagem. E assim lá se foi ele! Em 2011 quando fui convidado pelo amigo Eduardo Zanella para ajudá-lo a levar um catamarã até Trinidad, numa viagem arretada de boa, assim que desembarcamos em uma das marinas de Chaguaramas Bay lá estava o Drakar atracado e seu comandante alegre e feliz contando maravilhas da viagem e dizendo que agora estava fazendo charter e com planos de atravessar o Atlântico. Disse até que em seus charter convoca a tripulação para impulsionar o Drakar apenas com os remos, como nos verdadeiros barcos vikings. Em 2013, quando lancei o tema de postagens Conte Sua História, recebi do Roberto um texto em que ele fala de sonhos e de como conseguiu as plantas para a construção da réplica do lendário navio. Esse texto havia se perdido nos cafundós do judas da memoria do meu computador e somente agora resolveu emergir. Peço desculpas ao amigo Roberto Oliveira pela falha e fico feliz por resgatar O Sonho. Nunca mais tive notícias do Roberto e nem do Drakar, mas espero que ainda estejam navegando e despertando sonhos pelos mares. 

O SONHO

Começo informando que não sou um velejador e sim um viajante, pois imagino, como todos nós, que queiramos viajar de todas as maneiras possíveis,  viajar é um prazer muito grande.

É claro que não falamos de felicidade, pois se pode encontrá-la sem sair  da cidade em que vivemos.  São emoções que falo que devemos sentir nesta estada curta que é a vida.

SONHOS. O que são sonhos? Como começam e quando se desenvolvem? Devemos sonhar? Acredito que sim, pois é sonhando que vamos estar no céu ao lado de um “Senhor”, apos a nossa passagem pela Terra. É algo que nos conforta e nos dá prazer.

Os sonhos são possíveis? Todos os sonhos são possíveis, a partir do momento em que você se dedica de corpo e alma.

O meu sonho, ou um dos meus sonhos, começou quando iniciei a leitura sobre os primeiros  turistas, do meu ponto de vista, que começaram a se manifestar e viajar para outros  países. Não vou falar dos Chineses, vou apenas falar do lado ocidental do planeta.

Eram os viajantes escandinavos que tinham a vontade, e o prazer, de viajar  e encontrar  novos lugares para as suas necessidades de momento.  Experientes velejadores, bons navegadores, imagino, e com uma disposição pouco encontrada nos dias de hoje. 

Mesmo me comunicando com a cultura e com os escandinavos de hoje, é difícil encontrar as respostas para eles saírem de suas terras e se aventurarem em outros mares, outras terras ou terem outros relacionamentos, além de somente o comercio?

Como começa um sonho?  Para mim começou com a leitura,  e foi a partir dela que entrei no mundo da fantasia, ou da realidade, em que foram vividos os tempos passados.

Se for com entusiasmo na leitura, você  sente interesse em ter participado ou mesmo gostado de ter vivido em um determinado período do tempo. Visto que, todas as pessoas gostam de emoções; e os livros  fazem o papel de transportar você para um mundo que você gostaria de ter vivido no passado. E não somente viver, mais sim aprender o porquê das interrogações.

Os sonhos se desenvolvem a partir do momento em que começamos a se incorporar nesta realidade e perguntar-se: Por que não?

O sonho começa a se formar e os porquês começam a aparecer. Construir o barco dos sonhos. A partir das perguntas começou a construção da minha embarcação. Uma embarcação escandinava “tropical” do século X.

Foram muitos anos até chegar ao ponto de iniciar a construção, e até consegui uma copia do desenho da embarcação num museu na Noruega. O que hoje em dia se consegue fácil via internet. A partir do desenho da embarcação o sonho com a imagem visual começou a se tornar palpável ou pelo ao menos agradável aos olhos.

Vários anos se passaram entre receber o desenho e  começar a construção. Mas é chegado um momento na vida que a oportunidade aparece e o dilema do tempo lhe informa, ou questiona, ou coloca você contra a parede e pergunta: Vai construir? A hora é esta. Se não, vá  mudar de sonho e esqueça o assunto.

Acredito que haja um tempo e uma hora para tudo neste universo em que as energias se transformam em realidade e você, consciente ou não, controla essas energias. E tudo depende do pensamento.

Roberto Oliveira – Drakkar

Anúncios

2 Respostas para “O sonho do viking

  1. kirley cristina de oliveira araujo

    oi Roberto, fico muito feliz em ver essas noticias suas. Espero que esteja bem. um beijo e um abraço de Kirley Araujo.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s